Time, energy and money. These should never be compromised.

Arrendar casa a turistas

Obter rendimento de um imóvel

Portugal está na moda. Este é um ponto que, hoje em dia, poucas pessoas discordam. O turismo tem registado recordes, mês após mês principalmente em 3 grandes áreas: Lisboa, Porto e Algarve. Arrendar casa a turistas tem assim estado na ordem do dia e é um negócio que muitos investidores estão a aproveitar.

O Algarve, historicamente, sempre teve bastante turismo, pelo que, é em Lisboa e no Porto que este boom se tem sentido mais. Isto tem-se traduzido num aumento da oferta de bens e serviços relacionados com o turismo. Um dos mercados a beneficiar mais com este aumento é o mercado imobiliário, nomeadamente o do arrendamento de curta duração, para férias.

Devido a esta oferta têm sido criados alguns mecanismos a nível governamental para fazer face ás novas necessidades criadas. Nomeadamente foi criada a designação de “Alojamento Local” que deve ser requisitado por todas as pessoas que pretendem introduzir no mercado de arrendamento um alojamento para turistas. Este pedido deve ser feito junto da Câmara Municipal do imóvel em questão e normalmente é atribuído com alguma rapidez.
Depois disto o proprietário terá de ter recibos para poder emitir no fim de cada estadia e proceder ao pagamento dos respectivos impostos. A taxa de imposto aplicada é um valor único de 20%.

A promoção do alojamento

A promoção do imóvel é das partes mais importantes deste negócio e constitui o factor que pode determinar o sucesso ou insucesso do negócio. Em primeiro lugar lembre-se que a maior procura do seu alojamento será fora de Portugal, pelo que, deve ter isso em mente. Assim sendo não faz muito sentido ter anúncios apenas em Português, por exemplo, nem em sites inteiramente portugueses. Deve sim, procurar sites internacionais nos quais possa colocar o seu anuncio em várias línguas, no mínimo em inglês e francês.

Outro aspecto relevante é utilizar umas boas fotografias. Lembre-se que este é um dos principais factores que leva as pessoas a escolherem entre os diversos alojamentos disponíveis. Por isso garanta que as suas fotografias são tiradas por um profissional e que estão o melhor possível. Mesmo que tenha de contratar um fotografo profissional, rapidamente vai ver que o investimento inicial compensou.

Recomendado para si

Que preços cobrar

Para estipular o preço por noite do seu alojamento deve, previamente, fazer um estudo dos preços na zona. Se o seu alojamento é novo, recomendamos colocar o preço inicialmente abaixo do preço de mercado. Assim começará a atrair pessoas pelo preço ser mais baixo e progressivamente, ao ganhar destaque e reconhecimento, vai aumentando os preços. Começar com um preço demasiado alto pode matar ao inicio o negócio. Ao arrendar casa a turistas prefira começar com um preço mais baixo que a concorrência e depois vai aumentando de forma gradual.

Deve também fazer variar o preço consoante o período do ano, nomeadamente em períodos de maior procura (férias de verão, Páscoa, Carnaval e passagem de ano) aumentar o preço, em alturas de menor procura (inverno, por exemplo) poderá baixar bastante o preço. Lembre-se que uma casa vazia dá 0€ de lucro, mais vale dar um valor, por muito baixo que seja, será melhor que 0.

Que lucro uma casa de férias pode gerar

O lucro que poderá obter ao arrendar casa a turistas pode variar muito. Analisando a vertente de custos, os mais significativos serão os relacionados com o crédito a habitação ou renda caso tenha. Se o imóvel já for seu, os seus custos ficarão reduzidos a custos com limpeza e manutenção doa alojamento. Nas zonas com mais procura tendencialmente cobram-se preços por noite superiores mas os custos de manutenção e limpeza serão sensivelmente os mesmos que numa zona com menos procura. Assim, será bastante mais rentável, caso o imóvel seja seu, se este se localizar numa zona de prestigio com bastante procura por parte de turistas. Se o imóvel não for seu e estiver a pagar um crédito ou renda, este aspecto já não é tão linear, pois se está numa zona de maior prestigio, também estará a pagar uma renda ou crédito superior ao que estaria a pagar se estivesse noutra zona. Portanto neste caso os gastos e receitas são proporcionais. Pode cobrar mais mas também tem custos superiores.

Conclusão

Arrenda casa a turistas pode ser um negócio bastante rentável. O sucesso deste depende principalmente da estratégia de divulgação usada, da localização do alojamento e do facto de o imóvel estar já liquidado ou não. Quanto menos encargos tiver com o imóvel maior será o seu potencial de lucro. Por outro lado uma boa localização é quase sempre garantia de um negócio de sucesso.

Deixe o seu comentário

Seu endereço de email não será publicado.